quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Maceió: Que tal um pastel chinês (original)?

Falar, objetivamente, de algumas coisas/lugares é difícil e, talvez, nem seja desejável. Na infância, passei muitas férias em Maceió e uma das fortes lembranças "gastrônomicas" que tenho é a do pastel chinês [A outra é a do sorvete de mangaba do Rex, mas a sorveteria fechou].
Eu ADORO esse pastel chinês!

Pode até ser que você os ache a coisa mais sem graça do mundo, mas se estiver de bobeira em Maceió não deixe de prová-los! Os sabores são indicados por esses pontinhos vermelhos que vocês vêem aí na foto.
Detalhe histórico: em 1977 , o senhor Chen Hua Yu teve a idéia de usar a massa do rolinho primavera para fazer pastéis de outros sabores, mais ao gosto local. Naquela época, duvido que algum restaurante do Brasil servisse rolinho primavera! Ok, em São Paulo devia ter, mas de queijo?Palmito?
Onde fica: Rua Dr Lessa de Azevedo, 580, loja 6. Pajuçara. Próximo a sorveteria Bali, esquina com a praia. Veja um mapa aqui.
Aberto de 15h à meia noite.
Atenção: Vá ao pastel chinês original. Ao lado, tem uma lanchonete chamada "pastel chinês da Maria", não é esse!
Atualização: Todos os posts da viagem estão organizados aqui
Fotos: Lu Malheiros.

19 comentários:

  1. Boa idéia, pegar o rolinho primavera e fazer com outros recheios. Os nossos chineses são mais criativos que os chineses dos outros...
    Abs!

    ResponderExcluir
  2. Arthur,
    E o cara deve essa idéia na década de 70! Põe criatividade nisso!
    Abs,

    ResponderExcluir
  3. Nossa, nao consigo imaginar rolinho primavera de queijo. Esquisito. hahaha. Mas deve ficar bom, fritura é vida!

    ResponderExcluir
  4. tocomfome,
    Hoje em dia, acho que tem rolinho primavera de queijo em quase todos os lugares. O "tchan" desse daí, além do fator histórico, é que ele é bem sequinho e a massa fininha que é uma delícia!
    Abs,

    ResponderExcluir
  5. Lu,
    Você sabe dizer se esse pastel chinês originariamente ficava no Centro de Maceió? Nossa! Eu comia quando era pequenininha... Uma delícia!
    Que saudades...
    Bjão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu também comia muito lá no centro, e era o melhor!!!

      Excluir
  6. Janine,
    A minha memória para lugares é péssima! O que eu lembro é que - há anos luzes atrás - o pastel chinês era vendido em um trailer em uma praça. Posso estar fazendo a maior confusão, mas acho que a tal praça era a que ficava em frente a antiga Sorveteria Rex (que fechou). Enfim, não era no centro, não...
    Bjs,

    ResponderExcluir
  7. Esse pastel sempre foi ali na Pajuçara! Praticamente só mudou o lugar que ocupava na quadra, ficando mais perto da praia.
    Agora uma obs. A receita original foi mantida pela Maria, que era a funcionária mais antiga e de confiança do chinês que era dono do Original. Com a morte dele, os filhos assumiram (acho que nunca gostaram do negócio só do din-din) e a Maria abriu o dela. Eu conheço bem os 2. E a massa do da Maria é bemmm melhor que a do "Original". Fica a dica!

    ResponderExcluir
  8. Cadu,
    Pois é, tinham me contado essa história da Maria, mas eu resolvi arriscar no tradicional mesmo. Experimentarei o dela da próxima vez que estiver lá.
    Muito obrigada pelo comentário.
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  9. ótima dica, estou indo para Maceió em outubro...:)

    Vlw!

    ResponderExcluir
  10. Lee,
    Aproveite Maceió! E coma um pastel chinês por mim!
    Abs,

    ResponderExcluir
  11. Mano....qui saudade!!! Sou aqui de Santo ANdré-SP, e todas as vezes que minha família ia a Maceió à viagem passávamos nessa pastelaria!!

    ResponderExcluir
  12. Ivens,
    É um simples pastel, mas a memória afetiva fala mais alto, né?
    Abraço,

    ResponderExcluir
  13. Oi, Lu, gostaria de agradecer todo o carinho que voce tem com a nossa historia e os nossos produtos. Porém existem uma parte da historia que não ficou tão CLARA para algumas pessoas, portanto só para esclarecer um pouco mais a verdadeira formula se encontra com a minha mãe, MEYSIU CHEN, que é filha única. Quanto a Maria, ela é tia de criação da minha mae,ela trabalhou muitos anos com o meu avô, logo aprendeu a fazer o pastel, porém não menteve os verdadeiros ingredientes orientas, pois estes são vendidos somente para ORIENTAIS! quanto ao pastel do centro, é do padrinho da minha mãe e também mantém o mesmo nivel de qualidade.

    beijos ;*
    obrigada pelo carinho =)
    da próxima vez que vocÊ estiver em Maceio, gostariamos de conhece-la pessoalmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mia,
      Grata pelo gentil comentário e pelos esclarecimentos!
      O pastel chinês da sua família faz parte, também, da história da minha família. E espero que a indicação que dei aqui no blog sirva para que outras pessoas levem mais uma boa lembrança de Maceió.
      Um carinhoso abraço,

      Excluir
  14. Adorei este pastel; muito bom; R$ 2,40; 2,50; R$ 2,60;

    ResponderExcluir
  15. Adorei!!! Escrevi até no tripadviser. Achei uma delícia! Valeu pela dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciano e Elmo,
      Que bom que aprovaram! :-)
      Abraços

      Excluir